Dia Nacional de Combate ao Fumo: conheça os riscos à sua saúde

29 de agosto é o Dia Nacional de Combate ao Fumo. A data foi instituída em 1986 pela lei nº 7488, criada para conscientizar e mobilizar a população sobre os riscos decorrentes do uso do cigarro.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o tabagismo a principal causa de morte que se pode evitar. Morrem todo ano no Brasil, cerca de 200 mil pessoas devido ao fumo. É um problema de saúde pública. Quando falamos dos números mundiais, as mortes sobem para 4,9 milhões por ano.

Cada tragada possui quase 5 mil substâncias tóxicas e o tabagismo pode desencadear cerca de cinquenta problemas de saúde. 90% das pessoas com câncer de pulmão teve como fator responsável o fumo.

Também há riscos para quem convive com quem fuma, os chamados fumantes passivos, que também tem maior chance de desenvolver doenças relacionadas ao cigarro.

Os danos causados pelo tabagismo podem ser reduzidos com o tempo. Depois de 10 anos sem fumar os riscos de problemas de saúde passam a ser iguais ao de uma pessoa que nunca fumou.

Você sabia que as unidades públicas de saúde oferecem tratamento de graça para quem deseja parar de fumar?
Existem 23 mil equipes de Saúde da Família no país, que pode acompanhar o tratamento e fazer prescrições de remédios.

Para saber como participar dos programas antitabagismo, ligue gratuitamente para o Disque Saúde: 136.


Untitled-1

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]