Aplicação da 2ª dose contra Covid-19 está há 21 dias estacionada no RS

A aplicação da segunda dose da vacina contra Covid-19 tem avançado muito lentamente nos últimos 21 dias no Rio Grande do Sul. Neste período, o número de pessoas que concluíram a imunização aumentou somente um ponto percentual, o que corresponde a 82.848 pessoas a mais com a segunda dose, passando de 1.563.405 para 1.646.253 gaúchos completamente protegidos da doença. Contribuiu para isso, vários fatores, o principal deles, o atraso no fornecimento da Coronavac/Butantan. 

Até esta quinta-feira, ao todo, 2.354.127 pessoas aguardavam pela segunda dose no Estado, também das vacinas AstraZeneca/Fiocruz e Pfizer, seja porque estão esperando o prazo para concluir a imunização ou simplesmente não voltaram mais aos postos de vacinação. Em 24 municípios, nem 10% da população concluiu ainda a vacinação. O ranking negativo é liderado por Nicolau Vergueiro, na região Norte, onde só 3,4% terminaram a vacinação, mas inclui Rio Grande e Santa Maria, duas das principais cidades do RS, com 8,6% e 8,9%, respectivamente.

Vacinômetro

Até esta quinta-feira, o RS havia aplicado a primeira dose em 4.000.380 pessoas, o que corresponde a 44,7% da população vacinada. Nos últimos 21 dias, houve um avanço de 9,3%. Mas quando se olha para a segunda dose, apenas 18,4% receberam até o momento. No gráfico disponível no vacinômetro da Secretaria Estadual da Saúde (SES), inclusive é possível observar que a aplicação da segunda dose está praticamente estacionada desde 27 de maio.  

A meta da Secretaria Estadual da Saúde era garantir que a nova remessa que chega ao Estado nesta sexta-feira, atenda a todos que precisam completar o esquema vacinal da Coronavac. No começo da noite de quinta-feira, a SES revisou o cálculo e tem a expectativa de que todas as 110.200 doses sejam suficientes. Nenhum porta-voz da pasta se pronunciou sobre o assunto, mas informaram que desde a quarta-feira, técnicos estão debruçados sobre os dados, para cruzar informações entre o déficit e o quanto será enviado para cada município após a chegada de mais esta remessa. A Secretaria não tem um dado de quantas pessoas não foram tomar a segunda dose.

 

*Correio do Povo 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]