Decisão sobre transferência de recursos da UPA ao HDP é prorrogada

Após reunião extraordinária realizada pelo Conselho Municipal de Saúde de Frederico Westphalen na noite desta quarta-feira, 17, os conselheiros definiram, por 10 votos a três e duas obstenções, prorrogar a decisão de devolver ao Estado os recursos da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) depositados no caixa do município em dezembro de 2014, que totalizam R$ 610 mil.

O dinheiro seria devolvido aos cofres do Estado e após  repassado ao Hospital Divina Providência para quitar dívidas que atualmente somam cerca de sete milhões. A decisão foi prorrogada, pois o Estado – que não estava cumprindo com os pagamentos mensais da casa de saúde – encaminhou parte dos recursos para quitar o pagamento dos médicos do plantão, estabilizando, parcialmente a situação do HDP.

Ainda na manhã desta quarta-feira, uma Ação Civil Pública foi firmada contra o Estado do Rio Grande do Sul, o Município de Frederico Westphalen e também o HDP  para a retomada do plantão de atendimento médico. Após a decisão judicial, o Estado repassou recursos financeiros suficientes para o funcionamento do atendimento do plantão que deve retomar as atividades em breve.

Neila Rodrigues, presidente do Conselho Municipal de Saúde, fala sobre a decisão de prorrogar a autorização do repasse da verba:

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]