Caso Bernardo terá troca de juiz responsável

A partir do mês de novembro o processo que investiga a morte do menino Bernardo Boldrini será comandado pela juíza Vivian Feliciano, que vai assumir a vara criminal da Comarca de Três Passos, no noroeste gaúcho. A substituição ocorre em razão da promoção do atual responsável pelo caso, o juiz Marcos Luis Agostini, que deve assumir a Comarca de Erechim, no norte do Rio Grande do Sul. A magistrada sai da Comarca de Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

O menino Bernardo foi assassinado em abril de 2014 com uma injeção letal. São acusados por sua morte, o pai do garoto, Leandro Boldrini, sua madrasta, Graciele Ugulini, além dos irmãos Edelvânia e Evandro Wirganowicz. Os réus irão a júri popular em data ainda não definida.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]