Evandro Wirganovicz recebe liberdade condicional

Foi solto na noite desta segunda-feira, 25, Evandro Wirganovicz, condenado a nove anos e seis meses de prisão pela morte e ocultação de cadáver de Bernardo Boldrini.

Segundo informações do Fórum de Três Passos – local do julgamento e sentenciamento dos réus – a juíza Sucilene Engler Werle apontou que Evandro atingiu os requisitos para receber a liberdade condicional, dentre eles cumprir um terço da pena e desempenhar bom comportamento dentro da prisão. 

Evandro está sob condição de liberdade condicional, portanto, precisa obter ocupação lícita, dentro de prazo razoável se for apto para o trabalho, comunicar periodicamente ao juiz sua ocupação e não mudar do território da comarca do Juízo da execução, sem prévia autorização. 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]