Primeira Infância Melhor proporcionará páscoa mais doce às crianças atendidas

A Páscoa se aproxima mais uma vez, e é de praxe que nessa época as crianças fiquem ansiosas por receber um presente. Pensando nisso, o programa Primeira Infância Melhor (PIM) de Frederico Westphalen, irá doar a cada criança atendida um kit com vários doces. A embalagem, em forma de Coelhinho da Páscoa foi confeccionada pelas monitoras e visitadoras do programa.

No município são atendidas semanalmente 140 crianças em suas residências juntamente com os responsáveis por elas. A assistente social do CRAS, Elizete Buzatto, explica quem tem o atendimento prioritário pelo PIM. “A gente sempre dá preferência para as crianças que não estão matriculadas nas creches e nem na educação infantil, porque elas não tem nenhum outro tipo de atendimento”, comenta Elizete.

O objetivo principal do PIM é promover o desenvolvimento saudável da criança, conforme explica a monitora Regina Scapin. “O PIM busca estimular o desenvolvimento através do lúdico, por meio de brincadeiras, da construção de coisas que elas tenham em casa. Por exemplo, se trabalha as dimensões – pequeno, médio e grande- noções de ‘em cima, embaixo’, e se usa elementos que a família tem em casa, como por exemplo, caixinhas e panelas. A visitadora leva a atividade, demonstra pro responsável da criança, e ele desenvolve a atividade com ela”, afirma Regina. Está comprovado que as crianças que foram atendidas pelo PIM têm um bom desempenho quando ingressam na escola. “Temos pesquisas de crianças que tiveram o PIM e hoje estão nas escolas, e as professoras relatam que elas são muito mais desenvolvidas, que o aprendizado é mais rápido, porque elas já vêm com toda essa bagagem de recortar, colar”, explica ainda Regina.

As atividades realizadas pelas visitadoras buscam principalmente instigar a imaginação da criança. É dada uma ênfase especial aos brinquedos fabricados em casa, onde a criança cria aquilo com que deseja brincar. Considerando que hoje antes mesmo dos pequenos pensarem que precisam de um brinquedo, eles já veem pronto da loja, busca-se reverter essa situação com iniciativas como as do PIM, na tentativa de valorizar aquilo que as famílias possuem em casa e que ao invés de muitas vezes ser descartado pode ser usado para confeccionar diversos meios de lazer.

ASCOM – Frederico Westphalen

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]