Grupamento Ambiental da BM divulga ações da última semana

Nesta segunda-feira, dia 15, o Grupamento Ambiental da Brigada Militar divulgou as ações realizadas na última semana em sua área de atuação.

No dia 8 de Agosto, a guarnição de serviço do 2º GABM, atendendo denúncia, deslocou até a Linha Filipiaki, município de Cristal do Sul, onde constatou muitos peixes mortos no Rio Braga. Após fiscalização nas margens do curso hídrico, constatou-se vazamento de dejetos suínos de uma pocilga daquela localidade, sendo, possivelmente a fonte da contaminação e a causa da morte dos peixes. Foi Lavrada Comunicação de Ocorrência e serão informadas as autoridades competentes.

No mesmo dia, a guarnição de serviço, atendeu denúncia na Linha Aparecida, município de Novo Tiradentes, onde constatou em uma propriedade, a supressão de vegetação nativa em 1,5 hectares, sem licença ambiental. Foi lavrado Termo Circunstanciado e serão enviados relatórios às autoridades competentes.

Em 09 de Agosto, a guarnição de serviço atendeu ofício da Polícia Civil e realizou vistoria em propriedade na Linha Filipiaki, município de Cristal do Sul, onde foi constatada a construção de açude, mediante projetos aprovados e licenças ambientais expedidas pelo órgão Competente.

Na Linha Lajeado Grande, Erval Sevo, foi atendida denúncia de corte de árvores em Área de Preservação Permanente (APP), porém não foi confirmada a informação. Na Linha Barra, a guarnição também atendeu denúncia de corte de árvores nativas, sedo constado o corte de espécies exóticas.

Nesta mesma data, foram realizadas vistorias por solicitação do Poder Judiciário e Ministério Público nas localidades de Linha Mendes, Linha Intendência, Linha Barra do Iracema e Linha Forquilhas, município de Vicente Dutra, onde os dados e resultados serão informados aos órgãos requerentes.

Em 12 de Agosto, foram realizadas vistorias por solicitação da Policia Civil e do Ministério Público, em propriedades nas Linhas São Braz e Progresso, município de Frederico Westphalen, de onde serão lavrados Auto de Constatação para informar os órgãos requerentes.

No dia 13, foi realizada fiscalização de pesca predatória no Rio da Várzea, de onde foram recolhidas duas redes e dois espinhéis, que estavam armados irregularmente.


Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]