UFSM realizou neste final de semana ultimo Vestibular tradicional da instituição

Com a temática “Juventude conectada – evolução ou problema social” na prova de Redação, a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) encerrou o ciclo de exames vestibulares específicos da instituição neste domingo. A partir de 2015, a instituição passa a adotar unicamente o Sistema de Seleção Unificada (Sisu)  para a reserva de vagas. Os candidatos se inscrevem em notas obtidas na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Entre sexta e domingo, 40. 086 candidatos disputaram uma das 6.444 vagas oferecidas para os diferentes campi da instituição.

Na última rodada de provas, foram três dias de sabatina, e a manutenção das provas do Processo Seletivo Seriado, que permite aos candidatos realizar o processo seletivo em três anos diferentes, respondendo a cada ciclo as provas referentes aos diferentes anos do Ensino Médio. Essa modalidade vai continuar sendo oferecida nos anos de 2015 e 2016, para que quem iniciou a modalidade neste ano possa encerrar o processo.

Em maio, a UFSM decidiu abolir o vestibular e usar apenas o Sisu como forma de seleção. Entidades estudantis e empresariais consideraram a decisão arbitrária e precipitada, e entraram na Justiça exigindo a realização do vestibular em 2014. A Justiça Federal considerou legítima a ação e deu parecer favorável ao pedido, obrigando a UFSM a oferecer as provas. O mesmo ocorreu para a oferta do PS1 neste ano: a intenção era apenas dar continuidade ao exame para quem já havia iniciado o ciclo.

O processo de escaneamento dos cartões-resposta começou hoje e a correção das redações ocorre a partir de 5 de janeiro. Em meio a isso, a universidade pretende divulgar o ponto de corte dos cursos, mas só depois do resultado do Enem. Por isso, ainda não há data definida para a divulgação do listão.

Foto: Maira Dill

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]