Servidores rejeitam proposta da Administração e aprovam estado de greve

Os servidores públicos municipais de Frederico Westphalen realizaram na noite desta sexta-feira, 9, assembleia geral extraordinária para debater o ajuste salarial da categoria.

Os servidores encaminharam à Administração durante esta semana, o pedido de aumento salarial de 6,81% mais vale-alimentação de R$ 150. No entanto a prefeitura recusou a proposta alegando ser inviável e ofertou um reajuste de 3%, além do aumento de 20% no vale-alimentação. 

Após discussão entre os presentes na assembleia, ficou definido por manter a proposta inicial da categoria e entrar em estado de greve. Os servidores terão uma próxima reunião na quinta-feira, 15, e caso a Administração não aceite ou não apresente uma nova proposta, o funcionalismo de FW deflagará greve. 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]