Seberi: Atraso no salário de servidores do Samu chega há seis meses

Os funcionários do Samu Avançado de Seberi estão há cerca de sete meses sem receber seus honorários devido a falta do repasse por parte do governo Estadual, já os servidores do Samu básico estão há dois meses. Os funcionários que são responsáveis por atender 26 municípios que abrangem a 19ª Coordenadoria Regional de Saúde, como motoristas, enfermeiros e médicos não recebem pagamento desde janeiro e, em audiência extrajudicial realizada em junho, houve uma confissão de dívida por parte do Estado no valor de R$ 800 mil. 

O Hospital Pio XII é responsável pelo Samu no município e, conforme a administradora da casa de saúde, Sônia Devitte, os funcionários consideram sim uma possível paralisação:  

.
Uma advertência já foi encaminhada ao Ministério Público pelo Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Sul (Simers), notificando sobre o atraso dos salários. Além do ofício encaminhado, o Simers também advertiu sobre uma possível paralisação. O município de Seberi ainda impetrou um mandado de segurança solicitando que o Estado regularize o repasse das verbas.  

Caso os valores não sejam disponibilizados pelo Executivo Estadual, o município não descarta a solicitação de sequestro de valores da conta do Estado. 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]