Região de Chapecó apresenta alagamentos e queda de barreiras

Depois de uma chuva que iniciou de madrugada e persiste na manhã desta terça-feira a cidade de Chapecó amanheceu com pelo menos sete pontos de alagamentos, segundo a Defesa Civil.

O bairro São Pedro é um dos mais atingidos, com algumas pessoas desalojadas, segundo o coordenador regional da Defesa Civil, Clair Bazzi. O número de alagamentos ainda não foi levantado.

O secretário de Defesa Civil, Sérgio Wallner, informou que várias ruas estão alagadas, principalmente as próximas ao rio Passo dos Fortes, que transbordou. Entre as ruas com alagamento estão a Nereu Ramos, Porto Alegre, Getúlio Vargas e Fernando Machado.

A Prefeitura Municipal deve providenciar um abrigo.

Em Caxambu do Sul 40 casas foram alagadas e as famílias retiradas. Em Nova Itaberaba dez casas foram alagadas. Em Xaxim sete bairros foram atingidos.  Em Águas de Chapecó o balneário da Hidroeste alagou pelo aumento do nível do Rio Chapecó. Há alagamentos também em Maravilha, Barra Bonita, Xanxerê, São Carlos, Coronel Freitas, São Miguel do Oeste e Ponte Serada.

Há também queda de barreiras nas rodovias. A Polícia Rodoviária Federal informou que no momento o trânsito está interrompido na BR 282, em Nova Itaberaba.

Texto: Diário Catarinense

Foto: Maira Alves / Arquivo Pessoal

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]