Receita Estadual realiza operação no ramo de embalagens

A Receita Estadual realizou mais uma operação ostensiva de fiscalização para combater a sonegação de ICMS no ramo de embalagens. O alvo foi um grupo de empresas da região metropolitana de Porto Alegre. Durante os trabalhos de auditoria serão verificadas operações que somam cerca de R$ 180 milhões.

A iniciativa foi coordenada pelo Grupo Especializado Setorial localizado na Delegacia da Receita Estadual de Canoas (2ª DRE), responsável por fiscalizar a indústria de transformação do plástico. A fiscalização especializada por segmentos econômicos é uma das iniciativas do Receita 2030, agenda propositiva com 30 medidas para a modernização da administração tributária gaúcha. O objetivo é possibilitar um conhecimento profundo do setor, com metas focadas na recuperação da brecha tributária e da arrecadação, repercutindo também em ações de combate à sonegação, de autorregularização e de política tributária.

A operação promovida pelo fisco gaúcho contou com a participação de 14 auditores-fiscais, três técnicos tributários e um policial militar. Na ocasião, os profissionais fizeram visitas fiscais às sedes dos estabelecimentos com a finalidade de apreender documentos e dados que corroborem os trabalhos de auditoria fiscal.

Operações da Receita Estadual

Por meio das operações deflagradas, a Receita Estadual intensifica sua atuação em diversos ramos da economia, procurando garantir um tratamento isonômico entre as empresas do setor. Além de buscar recuperar os valores devidos aos cofres públicos e combater a sonegação, as ações promovidas pelo Fisco gaúcho visam regular a economia e combater a concorrência desleal.

Fonte: Ascom

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]