FW: PSL se retira da coligação entre PDT e PSB

Em nota divulgada na noite deste domingo, 20, pelas executivas do Partido Democrático Trabalhista (PDT)  e do Partido Socialista Brasileiro (PSB) de Frederico Westphalen, o Partido Social Liberal  (PSL) anunciou sua retirada da coligação “Frederico Pode Mais”.

Confira o comunicado na íntegra:

As executivas do PDT – Partido Democrático Trabalhista de Frederico Westphalen e do PSB –
Partido Socialista Brasileiro de Frederico Westphalen vêm, por meio deste, comunicar o que segue:

Que na data de ontem, 19 de setembro de 2020, foram oficiadas pela Comissão Executiva Provisória do PSL – Partido Social Liberal de Frederico Westphalen à cerca da desistência da agremiação em compor a coligação proposta e acordada até então, “Frederico Pode Mais”. O PSL teve problemas para incluir as informações da ata da reunião que ratificava a coligação e, para não prejudicar o andamento dos projetos dos demais partidos, opta por retirar-se. Fez constar do ofício que também considera o momento oportuno para o fortalecimento da agremiação partidária e que, para isso, é necessário primeiro se voltar à sua organização e estruturação. Por tanto, em comum acordo, o PSL se retira da coligação “Frederico Pode Mais” que seguirá constituída por PSB e PDT.

As executivas de PDT e PSB agradecem a Executiva Municipal do PSL pela disponibilidade, presteza, franqueza e honestidade, ao tempo em que também compreendem que a consolidação de uma coligação apenas de “siglas irmãs” colabora com a construção de uma narrativa coerente com o projeto que será apresentado para Frederico Westphalen. O PDT e o PSB reforçam seu compromisso com o desenvolvimento do município e com uma política pautada pela moralidade, pela tecnicidade e pela humanidade.

Sendo isto pra o momento, assinam os presidentes do PDT-FW e do PSB-FW.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]