Professores estaduais aprovam greve a partir de hoje

Representantes dos 42 núcleos do Cpers/Sindicato aprovaram, às 11h53min desta terça-feira, greve dos professores estaduais por tempo indeterminado, em assembleia geral na manhã desta terça-feira, na Praça da Matriz, em Porto Alegre. Na pauta aprovada, a categoria definiu ter uma nova assembleia geral, nesta sexta-feira, 4 de agosto, na Capital, para fazer uma avaliação do movimento.

Os professores reivindicam o fim do parcelamento de salários e a retirada das Propostas de Emenda à Constituição (PECs) 256, 257 e 258, que está na Assembleia Legislativa gaúcha (AL/RS) para apreciação. Ao final da assembleia, os professores registraram a presença do presidente da AL/RS, Edegar Pretto (PT), no ato da categoria.

 PARCELAMENTO

Ontem, o governo estadual depositou R$ 650 para cada matrícula como a primeira parcela do salário referente ao mês de julho. Ainda ontem, no final do dia, o secretário da Fazenda, Giovani Feltes informou que o Piratini decidiu não pagar a parcela da dívida com a União, de R$ 142 milhões, para nesta terça-feira depositar mais R$ 450 nas contas dos servidores públicos estaduais.

 

Fonte: Diário S. Maria

Foto: Divulgação

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]