Polícia Civil faz incineração de quatro toneladas de drogas no Rio Grande do Sul

A Polícia Civil efetuou, através do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc), a maior incineração de drogas em uma única ação em 20 anos de atividade do departamento. Foram encaminhadas à incineração 4,24 toneladas de drogas – maconha, cocaína e crack.

A operação, nesta sexta-feira, 25, se soma à ocorrida em maio, quando 2,27 toneladas foram incineradas. Conforme relata o diretor da área operacional do Denarc, delegado Leonel Carivali, “mais de 6,51 mil quilos de drogas serão destruídas neste ano, deixando de chegar ao consumidor final pelas mãos de traficantes no Rio Grande do Sul. A ideia é fazer outra incineração ainda em 2015″. A ação gerou uma descapitalização do tráfico em mais de R$ 25 milhões.

O secretário de Segurança Pública, Wantuir Jacini, cumprimentou a todos os envolvidos e ressaltou a expressividade do volume de drogas apreendido. “São aproximadamente seis milhões de doses que estamos tirando de circulação. Uma rápida comparação à população do estado, que é de aproximadamente 11 milhões de habitantes, dá uma noção da relevância desse trabalho”.

A ação das polícias gaúchas no combate ao tráfico de drogas foi enfatizada pelo chefe de Polícia, delegado Guilherme Wondracek. “Já foram tiradas de circulação 7,8 toneladas de drogas em 2015. Fruto de um trabalho especializado de investigação e repressão”. O Denarc já efetuou 440 prisões em 2015, maior marca dos últimos cinco anos. A meta é ultrapassar os 565 criminosos presos em 2009 – recorde histórico do departamento. A operação contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), do Instituto Geral de Perícias (IGP), da Vigilância Sanitária e do Ministério Público (MP).

Dados gerais de apreensões de 2015:

Maconha: 7,2 toneladas

Cocaína: 275 kg

Crack: 200 kg

Ecstasy: 10 mil comprimidos

Haxixe: 3,5 kg

LSD: 5.640 pontos.

Lança Perfume: 545 frascos.

Fonte: Polícia Civil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]