Pesquisa da Famurs identifica que 129 prefeitos desistiram da reeleição

Um estudo da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) identificou que 129 prefeitos gaúchos desistiram da reeleição. Os desistentes representam 37% dos gestores municipais que estão aptos a concorrer ao segundo mandato no pleito de outubro de 2016. O percentual está próximo daquele divulgado pela Federação em abril deste ano. Na ocasião, a entidade informou que um terço dos prefeitos não se candidataria novamente.

De acordo com o presidente da Famurs e prefeito de Arroio do Sal, Luciano Pinto, a crise financeira dos municípios é o principal motivo que afugenta os gestores da reeleição. “A realidade da gestão pública municipal é preocupante. Os prefeitos estão sofrendo com a redução dos repasses estaduais e federais, o aumento das atribuições aos municípios, a interferência da judicialização na gestão pública e o excesso de rigor nos apontamentos dos órgãos de controle”, analisa.

Dos 497 municípios do RS, atualmente 148 são governados por prefeitos reeleitos e que, portanto, não poderão participar mais uma vez da disputa. Entre os 349 gestores aptos à reeleição, 220 disputarão o segundo mandato, conforme a pesquisa da Famurs, com base em dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Entre outros fatores alegados pelos prefeitos, está o desencanto com a classe política. “A população está cansada dos escândalos de corrupção, e os políticos acabam sendo todos nivelados por baixo. Pensam que tudo é farinha do mesmo saco, mas não é bem assim”, lamenta Luciano.

Prefeitos de grandes cidades desistem da reeleição

Segunda maior cidade do Estado, Caxias do Sul não vai contar com a participação do atual prefeito Alceu Barbosa Velho no pleito. Ele afirma não ter entrado na disputa por um novo mandato por convicção. “Sou, por princípio, contra a reeleição. A democracia não vive de reeleição. Vive de alternância”, reflete. Em Pelotas, o prefeito Eduardo Leite abdicou da candidatura com o mesmo argumento. “Para manter minha coerência, decidi não concorrer. Nosso sistema político faz com que a reeleição seja um grande problema”, alerta. Também houve desistência em outras grandes cidades como Alvorada e Viamão.

Prefeituras médias não contarão com atuais gestores na disputa eleitoral

Prefeitos de municípios de médio porte também optaram pela desistência. Após refletir por dois anos, o prefeito de Santo Ângelo, Valdir Andres, decidiu não entrar na disputa por um novo mandato. Ele aponta a “grave crise financeira que vivem os municípios” como uma das causas da desistência. O aumento da judicialização nas áreas da saúde, assistência social e habitação, que drenam os recursos da prefeitura, foi outro fator que desestimulou o político das Missões. Também abdicaram do pleito os prefeitos de Cachoeira do Sul e Lajeado.

Realidade financeira de pequenos municípios é trágica

A escassez de recursos para gerir o município também pesou na definição do prefeito de Restinga Sêca, Mauro Schunke, que se retirou da disputa eleitoral deste ano. “A despesa pública é maior do que o recurso que a prefeitura recebe do Estado e da União. Não há mais como administrar o município”, lamenta.

O prefeito de Dom Pedro de Alcântara, Marcio Biasi, desistiu de tentar a reeleição após penar com a falta de recursos. Ele cogita até abandonar a vida pública. “A frustração é total. Diminuiu a arrecadação. Por outro lado, aumentaram os encargos que o município recebeu da União e do Estado”, reclama.

Confira a lista das 129 cidades onde o atual prefeito desistiu da reeleição (em vermelho os que pertencem a AMZOP)

ALVORADA

AMARAL FERRADOR

ANTA GORDA

ARROIO DO TIGRE

AUGUSTO PESTANA

BALNEÁRIO PINHAL

BARÃO DO TRIUNFO

BOA VISTA DO INCRA

BOM RETIRO DO SUL

BROCHIER

CAÇAPAVA DO SUL

CACHOEIRA DO SUL

CAIBATÉ

CAMAQUÃ

CAMPESTRE DA SERRA

CANELA

CAPÃO BONITO DO SUL

CAPÃO DA CANOA

CAPÃO DO CIPÓ

CAPÃO DO LEÃO

CAPELA DE SANTANA

CARAÁ

CARAZINHO

CARLOS GOMES

CASEIROS

CATUÍPE

CAXIAS DO SUL

CERRO LARGO

CHUÍ

COQUEIRO BAIXO

COXILHA

DOIS IRMÃOS DAS MISSÕES

DOM PEDRITO

DOM PEDRO DE ALCÂNTARA

DOUTOR MAURÍCIO CARDOSO

DOUTOR RICARDO

ENCRUZILHADA DO SUL

ENGENHO VELHO

ENTRE RIOS DO SUL

EREBANGO

ESPERANÇA DO SUL

ESTAÇÃO

FONTOURA XAVIER

FORMIGUEIRO

FORTALEZA DOS VALOS

FREDERICO WESTPHALEN

GRAMADO XAVIER

GUARANI DAS MISSÕES

HUMAITÁ

IBARAMA

ILÓPOLIS

INHACORÁ

IRAÍ

ITAPUCA

ITATI

IVORÁ

IVOTI

JABOTICABA

LAGOA DOS TRÊS CANTOS

LAJEADO

LAVRAS DO SUL

MACHADINHO

MANOEL VIANA

MARIANO MORO

MARQUES DE SOUZA

MATA

MATO QUEIMADO

MAXIMILIANO DE ALMEIDA

MINAS DO LEÃO

MONTAURI

NÃO-ME-TOQUE

NOVA BOA VISTA

NOVA BRÉSCIA

NOVA ESPERANÇA DO SUL

NOVA HARTZ

NOVO BARREIRO

NOVO CABRAIS

PAIM FILHO

PARAÍ

PARAÍSO DO SUL

PEDRAS ALTAS

PELOTAS

PICADA CAFÉ

PINHEIRO MACHADO

POÇO DAS ANTAS

POUSO NOVO

PROTÁSIO ALVES

QUINZE DE NOVEMBRO

RESTINGA SÊCA

RODEIO BONITO

SANTA BÁRBARA DO SUL

SANTA CLARA DO SUL

SANTA VITÓRIA DO PALMAR

SANTO ÂNGELO

SANTO ANTÔNIO DA PATRULHA

SANTO ANTÔNIO DO PALMA

SANTO ANTÔNIO DO PLANALTO

SANTO EXPEDITO DO SUL

SÃO FRANCISCO DE ASSIS

SÃO JOÃO DO POLÊSINE

SÃO JORGE

SÃO JOSÉ DO INHACORÁ

SÃO JOSÉ DO OURO

SÃO JOSÉ DOS AUSENTES

SÃO LUIZ GONZAGA

SÃO MARCOS

SÃO MARTINHO

SÃO MARTINHO DA SERRA

SÃO PEDRO DAS MISSÕES

SÃO PEDRO DO BUTIÁ

SÃO VALÉRIO DO SUL

SARANDI

SEDE NOVA

SENADOR SALGADO FILHO

SERTÃO

SILVEIRA MARTINS

SINIMBU

TAQUARUÇU DO SUL

TENENTE PORTELA

TORRES

TRÊS CACHOEIRAS

TRINDADE DO SUL

TUNAS

TUPANCI DO SUL

VALE VERDE

VERANÓPOLIS

VIADUTOS

VIAMÃO

VILA MARIA

Comunicação Famurs

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]