Operação de Natal registra 11 mortes em seis dias nas estradas do RS

Onze pessoas morreram e 255 ficaram feridas em acidentes de trânsito nas estradas do Rio Grande do Sul durante seis dias de fiscalização da Operação Viagem Segura, realizada durante o período de Natal. O balanço foi divulgado pelo Detran-RS nesta quinta-feira, 26.

Entre os acidentes mais graves está o que aconteceu na terça-feira, 24, em Santa Bárbara do Sul. Dois carros bateram de frente na BR-285. Duas pessoas morreram e outras duas ficaram feridas. As vítimas eram um casal. Eles deixam um bebê de cinco meses.

Entre a 0h de sexta-feira, 20, e a meia-noite de quarta, 25, 33,4 mil veículos foram fiscalizados. Foram registradas 18,2 mil infrações, com 625 veículos recolhidos e 275 Carteiras Nacionais de Habilitação irregulares.

De acordo com o Detran, 7.158 motoristas foram convidados a fazer testes de bafômetro. A maioria (95,7%) teve o resultado zerado. Os 305 (4,2%) condutores autuados pagarão multa de R$ 2.934,70 e terão suspensão do direito de dirigir por um ano (além da retenção do veículo e do documento).

Os testes identificaram 105 motoristas alcoolizados, sendo que 23 foram levados a delegacias da Polícia Civil por crime de trânsito. Outros 200, que recusaram o exame, também foram autuados, como determina a legislação.

“Nós queremos que você deixe de dirigir depois de beber, não porque pode ser multado. Nós queremos que todos cuidem de si, dos seus e dos outros por amor a vida. Há tanto a viver que não temos porque arriscar. São tantas alternativas: o motorista da rodada, táxi, aplicativos, dormir no sofá da casa do amigo… Tudo está valendo para que dessas férias fiquem só saudades e boas lembranças”, ressalta a diretora institucional do Detran-RS, Diza Gonzaga.

 

Sobre a Viagem Segura

A ação reúne órgãos de fiscalização e instituições parceiras para prevenir acidentes nos feriados e principais datas comemorativas.

Polícia Rodoviária Federal (PRF), Brigada Militar (BM), Comando Rodoviário da BM (CRBM), Detran-RS e Polícia Civil reforçam a fiscalização e promovem ações de conscientização com o apoio da ANTT, Dnit, Cetran-RS, DAER, EGR, Metroplan e Famurs, além de representantes da sociedade civil organizada.

Desde seu lançamento, em 2011, até outubro de 2019, foram abordados 5.846.380 veículos, o que corresponde a mais de 84% da frota do Rio Grande do Sul, que é de 6.938.080.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]