Grupo Creluz tem 100% da sua área telecomandada e 50% com fibra óptica

O Grupo Creluz atingiu mais uma importante marca no que tange a aplicação de novas tecnologias. Mais uma vez inovando, a Cooperativa iniciou ainda no segundo semestre de 2017, a implantação de fibra óptica em suas redes para o comando a distância dos seus religadores. Nos últimos dias o equipamento de número 20 foi ligado na localidade de Santa Lucia, município de Jaboticaba.

Inicialmente operados via sinal de telefonia celular, os religadores telecomandados começaram a ficar inoperantes assim que o sinal de telefonia oscilava ou era interrompido justamente pela falta de energia e a ausência de baterias suplementares nas torres.

Diante disso, a direção do Grupo Creluz, juntamente com engenheiros e técnicos, decidiu inovar mais uma vez e iniciar a implantação da fibra óptica em suas redes de distribuição. Na atualidade, 50 % dos religadores operados a distância já estão conectados com a fibra óptica, ou seja, a metade da área de atuação da Cooperativa que abrange 36 municípios. Por isso o avanço na implantação da nova tecnologia foi comemorado em um encontro com a participação de mais de 675 associados e presença maciça de autoridades e lideranças de Jaboticaba e região na manhã da quarta-feira 23.

Toda a área de atuação do Grupo Creluz, 100% dos municípios, possuem religadores telecomandados e a expectativa da direção da empresa é que até o final do ano mais dez religadores sejam conectados com fibra. Além de melhorar a eficiência na operação do sistema, a fibra óptica agilizará a chegada da internet de qualidade a muitas comunidades, como é o caso da cidade de Jaboticaba e a Vila Trentin, no mesmo município, que neste mês começaram a receber os serviços da empresa Eletric Net.

“Mais uma vez estamos atuando na vanguarda da alta tecnologia, nenhuma empresa no Brasil possui tantos religadores conectados com fibra óptica como a Creluz tem neste momento, esta é a tecnologia mais avançada disponível no mercado para a transmissão de dados e informações, mais uma prova de que no setor elétrico, precisamos inovar constantemente em busca dos melhores resultados para a satisfação e o atendimento eficiente ao nosso associado”, resume o presidente do Grupo Creluz, Elemar Battisti.

Através dos religadores comandados a distância na maioria das vezes o moderno centro de operação do Grupo Creluz consegue restabelecer o fornecimento da energia ao associado em menos de três segundos, somente em caso de danos maiores às redes é que há a necessidade do deslocamento de equipes.

ASCOM – Creluz

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]