Fim de subsídios torna energia elétrica mais cara no meio rural

Os subsídios na conta de luz do consumidor vão ser reduzidos. Um decreto assinado nos últimos dias de governo do então presidente Michel Temer, tem   com o objetivo de reduzir gradativamente os descontos concedidos em tarifa de uso do sistema de distribuição e tarifa de energia elétrica, bancados pela Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), paga por todos os consumidores.

Desde o dia de 1º de janeiro de 2019, nos respectivos reajustes ou procedimentos ordinários de revisão tarifária, os descontos estão sendo  reduzidos à razão de 20% ao ano sobre o valor inicial, até que a alíquota seja zero, segundo o decreto. 

A Conta de Desenvolvimento Energético é um fundo setorial que concede benefícios a diversos grupos, como a tarifa social da baixa renda e o programa Luz para Todos; descontos para diversos grupos, como agricultores, irrigantes e empresas de saneamento; subsídios para produtores e consumidores de energias renováveis e para compra de carvão mineral; empréstimos subsidiados para distribuidoras da Eletrobras e compra de combustível para usinas termelétricas em regiões isoladas.

Na região, a Creluz emitiu Nota em que explica como o fim dos subsídios irá afetar drasticamente a conta de luz de seu consumidores.  A retirada desses descontos irá afetar em torno de 60% dos associados (13.860 associados), gerando um efeito para a classe rural de aproximadamente 8,5% de acréscimo considerando impostos (ICMS e PIS/COFINS) no primeiro ano. Vale salientar que a retirada dos descontos irá afetar todos os consumidores do país em todas as áreas de concessão. 

O presidente da Creluz, Elemar Batistti, concedeu entrevista à Rádio Comunitária e falou sobre o tema:

Ao fim dos 5 anos de transição do fim dos subsídios, a conta de luz, no meio rural por exemplo, ficará 42% mais cara. Confira a NOTA TÉCNICA emitida pela Creluz. 

 

 

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]