Estação Marcos Ninguém de Permacultura comemora um ano de criação

A Estação Marcos Ninguém de Permacultura, de Alpestre, comemorou seu primeiro ano de existência no sábado, dia 05. O jantar comemorativo foi realizado no no ginásio de esportes da Vila Dom José, reunindo cerca de 160 pessoas.

Na ocasião, também foi lançado oficialmente o primeiro Diplomado de Permacultura em língua portuguesa do mundo, organizado e coordenado pela Estação em convênio de cooperação com a Universidade Federal do Cariri. Participam do curso 40 alunos de diversos estados e países e 15 alunos de Alpestre. No próximo semestre, a previsão é que também sejam implantados o Diplomado de Bioconstrução e o Diplomado Em Ecovilas.

Durante o evento, também foram apresentados os resultados dos projetos desenvolvidos pela Estação, foram lançados dois documentários realizados com a comunidade da Vila e realizado o pré-lançamento do novo site. Os convidados também puderam conferir um show com a banda Chevette Velho, de Frederico Westphalen.

A Estação Marcos Ninguém é um projeto de extensão rural e permacultura realizado em uma comunidade atingida por uma barragem. O projeto aceita doações e investidores para ecovilas e ecoemprendedorismo.

Fotos: Divulgação

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]