Creluz: Usina Cerro do Sol está em fase final de construção em Cerro Grande

A construção da Usina Solar Cerro do Sol em Cerro Grande, o mais novo empreendimento da Creluz, está entrando na sua fase final, com a chegada das placas fotovoltaicas importadas da China e que ingressaram no Brasil através do porto de Itajaí, Santa Catarina.

Nos últimos meses o trabalho foi intenso no canteiro obras com preparação do terreno, terraplanagem, cercamento, implantação de pavers e toda a infraestrutura necessária para o complexo. Agora gradativamente as 5.610 placas que serão responsáveis pela geração 3.3 megawatts de energia, começam a ser instaladas.

Os painéis foram transportados para Cerro Grande em 8 carretas e 1 caminhão trucado. A Usina Cerro do Sol terá uma capacidade de geração para alimentar 3 municípios do porte de Cerro Grande, abastecendo mais de 3 mil residências.

O complexo é a décima segunda central de geração da Creluz, que possui sete hidrelétricas e quatro usinas fotovoltaicas já em operação. Segundo o presidente da Cooperativa, Elemar Battisti, a expectativa é que assim que estiver concluída, aguarda licença para a operação colocando energia nova no sistema, ligada através da subestação Pinhal Augusto Moro e está sendo construída ao lado da cidade de Cerro Grande, na área alta do município, onde a Creluz adquiriu uma área de aproximadamente 7 hectares, voltada para o norte com excelente orientação solar.

O valor investido será de R$ 15 milhões entre aquisição de área, escavação, cerceamento, projetos elétricos, subestação, iluminação de segurança, câmeras de monitoramento com fibra ótica, 2 transformadores, mão de obra, obras contra cheias, tubulação, drenagem, taludes com gramados, arruamento e equipamentos modernos para a operação a distância entre outros. Sobre a alavancagem de recursos são; R$ 5 milhões com recursos próprios da Creluz e 10 milhões financiados pelo Badesul.

“Em um período marcado por imensas dificuldades no setor elétrico, em que os efeitos da pandemia modificaram totalmente o comportamento do mercado, estamos conseguindo com muito esforço entregar mais um empreendimento aos nossos associados e a região, acrescentando segurança energética ao sistema e contribuindo com arrecadação para o Município”, resume o presidente da Creluz, Elemar Battisti.

Battisti também lembra que o novo complexo de geração segue os padrões arquitetônicos e de engenharia tradicionais da Cooperativa, além de gerar energia verde sendo amigável ao meio ambiente, contribuindo com a atuação sustentável, já consolidada pela empresa. “A previsão de seca e o alerta de possibilidade de falta de energia, fez com que agíssemos rapidamente”, comenta o presidente. Com esta obra, a Creluz se transforma no maior investidor do município de Cerro Grande.

 

Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]