Com 122 casos confirmados de dengue e um de Zika, Secretário Estadual da Saúde visita FW

Na tarde desta quarta-feira, 23, o secretário estadual da saúde, João Gabbardo, visitou Frederico Westphalen devido as últimas notificação de dengue e Zika Vírus no município. Atualmente FW possui 122 casos de dengue confirmados através de testes rápidos incluindo 28 confirmações através do Laboratório Central do Estado (Lacen), além de um caso confirmado de Zika Vírus em uma gestante.

Diversas autoridades participaram da reunião, incluindo representantes do exército e coordenadores de secretarias de saúde de Palmeira das Missões, Ijuí e Frederico Westphalen, além do Ministério Público e Coordenadoria de Obras.

O secretário estadual da saúde, João Gabbardo, falou sobre sua vinda à Frederico:

Gabbardo também ressaltou que o acompanhamento da secretaria estadual da saúde será redobrado no município de Frederico Westphalen:

Apesar do município possuir números relevantes de confirmações de dengue e, ainda, um caso de Zika Vírus, o secretário não considera que FW esteja em estado de emergência:

O secretário também destacou que a gestante frederiquense terá um acompanhamento especial durante sua gravidez:

Ações já estão sendo tomadas pela administração municipal e, nesta quinta-feira, 24, já será feita a contratação de mais 8 agentes de saúde que ajudarão no combate ao mosquito Aedes Aegypti. Os agentes foram selecionados através de um Processo Seletivo Simplificado realizado nesta quarta-feira.

O prefeito de Frederico Westphalen, Roberto Felin Junior, destaca que não importa o custo necessário, mas que as ações contra o mosquito e prevenção precisam ser tomadas:

O prefeito também falou sobre as visitas nas residências e a contratação dos novos agentes de saúde:

As principais medidas adotadas pelo Comitê Municipal foram:

–  Planejar ações e acompanhar o combate ao mosquito.

– A atuação do Exército de Ijuí, com plano de ação especial, ficando responsável pela fiscalização de empresas, prédios públicos e escolas.

-Será montado um plano de contingência, tendo como base o plano de contingência municipal criado no período das enchentes e que tem servido de modelo para outros municípios. No plano estará detalhado os responsáveis por cada área, contatos para coleta de entulho, agentes e coordenadores, e plano de combate.

– A criação de um novo cronograma de trabalho das agentes de endemias, onde os trabalhos ocorrerão de segunda-feira a sábado, em virtude do fato de várias pessoas não se encontrarem em casa durante a semana, devido ao motivo de trabalharem fora. No fim de cada tarde deve ser entregue um relatório do que foi realizado.

-Serão montadas 07 equipes com as agentes, e cada uma terá um enfermeiro como coordenador. E ainda haverá um coordenador geral, responsável por acompanhar todo o trabalho e, inclusive também, relatar ao Ministério Público as ações feitas.

– Elaboração de um pedido que será encaminhado à 19ª Coordenadoria Regional de Saúde, definindo as necessidades atuais, como exames, combustível, material de trabalho e tudo que será preciso para a concretização das ações.

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]