Cédula de votação para Consulta Popular é definida

Mais uma vez a população regional pôde acompanhar de perto os encaminhamentos para a votação da Consulta Popular 2017 orçamento 2018. No Auditório da URI em Frederico Westphalen, lideranças regionais e entidades representativas discutiram a definição das prioridades para a cédula de votação da Consulta.

Após muitas ponderações e um debate elucidativo, ficou estabelecido que a cédula contará com seis propostas. São Elas:

– Saúde (Aquisição de equipamentos para o serviço de quimioterapia do HDP)

– Agricultura (Fortalecimento das Cadeias Produtivas)

– Reaparelhamento dos órgãos de segurança pública ( Polícia Militar e Polícia Civil)

–  Regionalização do Turismo

–  Recuperação da mata Ciliar Regional

–  Fortalecimento das Energias Renováveis

Destas seis propostas, que foram elencadas em assembleias municipais, o eleitor poderá votar em apenas uma, as três mais votada serão contempladas pelo orçamento. Neste ano cerca de 2,4 milhões de reais serão utilizados em áreas escolhidas pela população do Corede Médio Alto Uruguai. Também ficou estabelecido, que para a opção mais votada será destinado 60% do valor total, 28% para a segunda opção mais votada, e 12 % para terceira opção.

Na ocasião também foi apresentado o Plano Estratégico de Desenvolvimento Regional, elaborado pelo Conselho de Desenvolvimento do Médio e Alto Uruguai, o Codemau. O presidente do Codemau, Edemar Girardi, flou sobre o lançamento o Plano Estratégico e sobre os encaminhamentos para a consulta:

Na última consulta popular, em 2016, o número de votos em nossa cidade não atingiu o esperado e sequer chegou a 500 votos. Nesta edição existe um número mínimo de votantes para que o recurso seja liberado. A votação aberta para a população acontece nos dias 01, 02 e 03 de agosto.

Foto: Jornal O Alto Uruguai

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


CAPTCHA Image[ Atualizar Imagem ]